As minhas Personagens...

Apesar das várias assinaturas..., as palavras são todas da minha autoria.







Pesquisar aqui!

Número total de visualizações de página

quarta-feira, 4 de dezembro de 2013


Foi difícil fechar a página do ecrã.

A inspiração surgiu enquanto falávamos.


O passado deixa marcas e as marcas trazem sensações.


Quis fechar a porta para falar mais à vontade.
Levantei-me e percebi que a porta já estava fechada.
Percebi que me apanhei a sentir essa necessidade...
Nada tinha a esconder no que escrevi.
Só no que pensei.
Mas o que pensei já se encontra num local à porta fechada.

Lembrei-me da nossa convivencia.
Assolaram-me visoes passadas...
...as tuas cartas, as nossas mensagens,
O sótão da nossa colega,
A nossa inocência,
A relação que nunca tivemos.
Talvez por vergonha minha.


Volto a olhar para a porta,
Como se alguém pudesse através dela
Ver-me contar esta história perdida no tempo...
E imaginar mais, do que aquilo que eu estou a sentir.

Escrevo porque gosto de sonhar acordada.
Porque sou a eterna apaixonada pelo sentir.
Escrevo porque não gosto de perder a oportunidade
De brotar palavras inusitadas - minhas.
Porque preciso viver aqui dentro
Na minha imaginação...
É como se uma falta de ar me sufocasse.
Quando não respiro deste ar.


Sofia Abreu

Eu

A minha foto
Planeta Terra, Portugal
Para quem visitar o meu espaço, não se esqueça que o último texto da página foi o primeiro a ser colocado e que entre os primeiros e últimos textos, há sempre uns pelo meio... Digo isto porque quando leio um blog, tento perceber se há algum texto que me agrade, sem deixar que os primeiros, os últimos ou os do meio me repulsem... Aqui, há textos para todos os gostos.