As minhas Personagens...

Apesar das várias assinaturas..., as palavras são todas da minha autoria.







Pesquisar aqui!

Número total de visualizações de página

sábado, 14 de janeiro de 2017

O lago de onde me bebo

Sou tantas que me apaixono
Por todos os momentos de mim...
Todos os meses,
Todos os anos,
Todos o meus dias que me adiciono mais...
Sem ver o fim.
E quero todo o amor que me tenho
Mereço todo o amor que me sinto!
Mereço tudo o que cativar de mim, em mim.
Se me provasse ficaria refém
Do que a minha pele pode provocar no paladar.
Do que a minha voz pode provocar na audição.
Do que o meu toque pode despertar na sensação...
Do que o meu olhar poderia despertar na visão,
Se me tomasse, hipoteticamente, não havendo a razão.
E há tantas em mim que eu nao conheço
Que quando experimento,
Alimento o sabor que tenho
E suplemento a paixão que construí...
E
Cada vez me apaixono mais...

Se eu morresse agora, morreria completa e perfeita,
O mundo é que ficaria incompleto.


Sem comentários:

Enviar um comentário

Eu

A minha foto
Planeta Terra, Portugal
Para quem visitar o meu espaço, não se esqueça que o último texto da página foi o primeiro a ser colocado e que entre os primeiros e últimos textos, há sempre uns pelo meio... Digo isto porque quando leio um blog, tento perceber se há algum texto que me agrade, sem deixar que os primeiros, os últimos ou os do meio me repulsem... Aqui, há textos para todos os gostos.